Cuidados na terceirização de serviços para o condomínio

Cuidados na terceirização de serviços para o condomínio

Comum em empresas que preferem economizar ao contratar pessoas para exercer determinadas atividades, a terceirização de serviços deve ser um ponto de atenção dos empregadores. Essa forma de contratação vêm contribuindo com o decréscimo do índice de desemprego, proporcionando um maior número de vagas no mercado de trabalho, sendo, por conseguinte, benéfica para os trabalhadores. Ela possibilita, ainda, a redução nos custos provenientes dos encargos previdenciários e trabalhistas. Apesar disso, muitos processos trabalhistas em decorrência dessa modalidade de contrato correm na justiça do trabalho.

Em condomínios, essa prática é comum, pois há várias empresas que proporcionam uma série de serviços, o que acaba despertando a atenção do síndico para o fechamento de um só pacote para a realização de múltiplas atividades. É aqui que mora o perigo e por isso, nós, da Pro Domo, separamos algumas dicas para você, confira:

  • Ao contratar um terceiro, certifique-se de que a empresa não paga menos do que o piso da categoria aos funcionários. Isso pode evitar problemas na Justiça, uma vez que o condomínio pode ser co-responsável no caso de uma ação trabalhista.
  • Prefira empresas que cedem benefícios aos funcionários, como cestas básicas e metas premiadas.
  • A grande rotatividade de mão-de-obra também traz riscos à segurança do condomínio.
  • Muito cuidado com o contrato de terceirização, especialmente em relação às cláusulas que tratam da situação trabalhista dos funcionários. O síndico deve exigir, de forma expressa, a apresentação de cópias das guias de recolhimento do INSS, FGTS e demais encargos.
  • É aconselhável que a empresa prestadora apresente ficha cadastral e de antecedentes criminais de todos os funcionários colocados à disposição do condomínio.
  • Exija da empresa contratada um seguro contra acidentes de trabalho ou reclamações trabalhistas

Essas são dicas básicas, mas que podem enviar uma dor de cabeça e tanto para o condomínio e o síndico. Se você desconfia de alguma irregularidade, o melhor caminho é abrir diálogo com o administrador e os moradores, para que tudo seja resolvido. Caso necessário, busque ajuda especializada para que a situação seja conduzida da melhor maneira.

Comente pelo Facebook

Comentários
0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>